19 de junho de 2010

Da Despedida

Porque as despedidas não se evitam,
Porque há escolhas a tomar...
Porque custa sempre despedir de quem se ama...

Fico com um pedacinho de cada um, tal como todos os que me acompanharam, ficam com um pedacinho de mim!

E assim é a vida, feita de eterna mudança!

Relativamente ás escolhas, certezas absolutas não tenho, ninguém as tem!
Mas sei que seria muito mais fácil tudo permanecer igual, dizer "sim" em vez de "não"... no entanto aprendi que o caminho mais difícil, o caminho com mais obstáculos, é o que no futuro nos dará mais felicidade.

Estrela d'Alva

P.S - A despedida de que falo, não é do blogue nem de voçês!

9 comentários:

Osvaldo disse...

Cara Linda;

Que despedida é essa?!...

Também eu não me despedi nem nunca me despedirei de ti porque és sempre a minha Cara Linda...

Bom, vou ver se te encontro no chat para discutirmos melhor.

bjs, Estrela da Manhã...
Osvaldo

Maria disse...

Pequenina
Dizer Adeus é sempre triste. Fica um buraco no peito.
Dizer Não é mais dificil do que dizer Sim. Como já chegaste a essa sabedoria?
Mas há nãos que precisam de ser ditos, mesmo quando o nosso coração quer dizer Sim.
E são os Nãos e os Adeus que dizemos na tua idade, que nos ensinam a viver.
Adoro-te, minha pequenina sensata e sensivel, que tão cedo começaste a aprender, aquilo que alguns nunca aprendem.
Eu tenho a certeza que vais ser feliz. Continua a ser como és.
Beijos
Maria

Didas disse...

ai ai custa assim tanto deixar uma escola onde se passou tanto tempo e se conheceu tantas pessoas e passar pra outra onde se vai passar ainda mais tempo e conhecer ainda mais pessoas ?

nao te preocupes porque de qualquer maneira ja deixaste o teu bocado nessa escolha e iras deixar outro bocado na proxima :)

toda a gente la ira se lembrar de ti como toda a gente k se cruzou contigo :D

Maria Soledade disse...

Xiiii,que susto quando começei a ler-te!!Só no fim,nada mau,percebi que te referias à mudança de escola.

São as tais escolhas, decisões que temos de tomar, e por certo,uma menina como tu, não decide nada levianamente, sem poderar nas consequências.Escolheste o que para ti entendeste ser o melhor caminho.

Parabéns minha kida, pela força que tens(tiveste), de dizer não...

Como dizes, tu levarás um pedaçinho de vivência,e todos os que abraçaste talvez durante anos, ficarão com um pedaçinho de ti...

Começo já por dar-te os parabéns por mais um ano de TRABALHO, sim trabalho,porque se és uma excelente aluna só ao teu trabalho se deve.

Fica bem meu Bébé Bom e...até sempre...

Beijinhos...MUUUUIIIITOOOOOOOOOOOSSS

Laura disse...

Ah, só entendi que era mudar de escola depois do coment do ou da didas...
Inda bem, quando não nos sentimos bem com algo, muda-se, tão simples assim...
Que para onde quer que vás, a vida te sorria sempre e te dê eternos amanhãs em Paz, Alegria e felicidade...
Beijinho da laura

Didas disse...

Do didas :P

Laura disse...

Didas, pois claro, do Didas e tá dito..Beijinho também pa ti. laura

Je Vois la Vie en Vert disse...

Querida Estrelinha,

Há sempre grandes decisões a tomar e às vezes custa porque temos que abandonar certas coisas ou pessoas. Sei porque tenho experiência disso !
Quanto à perda do meu blog, pelo menos uma coisa é positiva, saíste da tua toca para vir me dar palavras de incentivo ! Gostei !
Sorry se eliminou o teu comentário,, ele está descontrolado, coitado !
Não tenho tido muito tempo para chat porque tenho visitas em casa.

Beijinhos

Verdinha

Giane disse...

Menina-Estrela...

Despedidas são por vezes necessárias.
O lado bom delas está no encontro de novas vivências e o reencontro com que (ou quem) de fato nunca deixamos ou nos deixou.

Fico feliz em saber que a despedida não é nem Tua ou do blog.

Quero "relê-la" cada vez mais.

Beijos mil!!!