11 de novembro de 2009

De mãos dadas (agape)

Vejo o teu olhar tranquilo,
E uma serena ausência, amor
Madrugada suave no cais
Olho.te bem nos olhos, sim
Choro reflectido no rio, no rio

Fiz-me ao mar de manhã,
Na maré de ti, ao amanhecer,
Fiz-me ao mar de manhã
Na maré de ti, ao amanhecer

Pelo mar adentro vou entrando
Como o teu semblante na memória, amor,
Pescador de sonhos
Vivo a faina pura, dia-a-dia,
Na incerteza de uma vida
Meu amor, eu volto

Fiz-me ao mar de manhã,
Na maré de ti, ao amanhecer,
Fiz-me ao mar de manhã
Na maré de ti, ao amanhecer

Fiz-me ao mar de manhã,
Na maré de ti, ao amanhecer,
Fiz-me ao mar de manhã
Na maré de ti, meu amor, ao amanhecer!

Fiz-me ao mar de manhã,
Na maré de ti, ao amanhecer,
Fiz-me ao mar de manhã
Na maré de ti, ao amanhecer

Fiz-me ao mar de manhã,
Na maré de ti, ao amanhecer,
Fiz-me ao mar de manhã
Na maré de ti, meu amor, ao amanhecer!

Na maré de ti, ao amanhecer!

Na maré de...
Na maré de ti..
Na maré de...
Na maré de ti..
Na maré de...ti, meu amor...
Na maré de ti...
Na maré de...
Na maré de ti..

height="17"data="http://www.musicuploader.org/musicplayer.swf?song_url=http://www.musicuploader.org/MUSIC/1904661257943211.mp3&autoplay=false">/>

Upload Music

13 comentários:

Maria disse...

Lindo o poema.
Beijinho

Laura disse...

Olaré e com a maré rimo eu de entrada...
linda canção, lindoe spaço que admiro quando entro, pois esqueço que já não é o anterior..beijinhos da laura

Laura disse...

Esperei por ti
e a maré de azar chegou
pois não te vi
no lugar que de ti ficou...

beijinhos, cheguei pelas 22.40 e, a nina foi-se...laura

Maria disse...

Minha Estrela pequenina:
Muitos parabéns e um dia feliz.
Deus te te dê toda a felicidade que mereces. Um amor bonito e duradouro, os teus sonhos quase todos realisados. E digo quase, porque alguns ficam sempre pelo caminho.
Tenta viver a tua mocidade com alegria e esperança.
Beijinhos da velha Maria, que te adora.

Osvaldo disse...

Cara-Linda;

Escuta, vê e olha, estou um pouco embaralhado, já não sei o que fazer. Já é a segunda pessoa que diz que é hoje e eu acho que é quinta-feira. Em que ficamos?...

Bom, como não me quero antecipar,... não digo nada.

bjs, Estrelinha.
Osvaldo

Estrela d'Alva disse...

A TODOS OS MEUS LEITORES:

Não sei de onde veio o engano, mas eu só faço anos no dia 19 (quinta-feira). ;)

Beijinhos a todos e fiquem bem,
Estrela d'Alva

Laura disse...

ahhh foi uma estrelinha mal fada que disse por ai que..era hoje, mas ela escreveu-me de madrugada a dizer que se deve ter enganado que nem tinha a certezinha mas, ela está baralhada e assim, sempre comemoras mais dias, ora que bom..onde é a festa? o lanche? ah, tamém quero pasteis Algarvios, doces bons, ai as minhas cauuuuças que ficam apertadas...beijinhos.

Giane disse...

Oi, Menina-Estrela!

Eu me faria ao mar todo o dia
Para a qualquer período
Encontrar-me na maré cheia ou vazante do meu Amor...

Beijos mil, Linda!!!

Osvaldo disse...

Cara-Linda,...
Obrigado, és uma amor de pessoa e mereces toda a felicidade do Mundo.

bjs,
Osvaldo

Laura disse...

Eh, o aniversariante, acordou cedinho...ora pois, veio buscar mais miminhos e deixar outros tantos..jinhos a ti..laura

e deixa-me dizer que; o dia d eontem, ou a noite, seja, foram divinos, divinos e um presente de Deus, porque sentimos todos as lágrimas escorrer pelo rosto...nenhum ficou imune..e, ainda bem..somos gente de coração dentro do peito..se somos..laura

Derfel disse...

Querida estrela

Há pessoas que conhecemos, e com as quais simpatizamos logo...

Há outras, porém, com as quais sentimos uma ligação para lá o compreensível, mas que no entanto se sente tão real e natural, tanto ou mais do que o chão que pisamos ou o Sol que nos aquece.
Aí, passe o tempo que passar, venha a distância que vier, nada pode separar o que está unido para além destas míseras dimensões "terrenas".

Parabéns por isso

Jinhos de Paz e LUZ
CD

Laura disse...

Uau o mano derfel é um Astro rei a escrever e a dizer o que sente, bora pra lá abraçar o rapaiz, com quem já falei hoje ou seja, por um minuto apenas...beijinhos nina estrelinha. laura

Andre Moa disse...

FELIZ ANIVERSÁRIO

Há catorze anos, não mais,
Nasceu no céu uma estrela.
Não falam dela os jornais,
Mas é de longe a mais bela.

Por dentro, é toda luz.
Por fora, lindo sorriso.
Esta estrelinha é de truz.
É ave de paraíso.

É linda e não tem medo,
A todos sorri e salva.
Vigilante, ergue-se cedo.
Ela é a Estrela-d’alva.

Estremece à menor brisa.
O seu brilho é do mais raro.
Seu nome é doce: Elisa!
O seu firmamento: Faro.

Como será quando for
Arqueóloga, doutora,
Quando se der ao amor?
Por certo, grande senhora!

Assim lhe sorria a vida!
Assim a sorte a bafeje!
Parabéns, minha querida!
Dás licença que te beije?

Beijinhos deste teu recente avozinho.
André Moa